quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

A quem interessa a guerra das sacolas plásticas?


Qualquer que seja o resultado, com certeza a natureza será a menos beneficiada.
Quando perguntamos aos supermercados, sua resposta é uníssona: “queremos melhorar o meio ambiente”.
Mas e o destino dos trabalhadores que fabricam tais sacolinhas?
Vão fabricar mais sacos de lixo!
Explicado, então a questão é apenas econômica, o mercado deixa de distribuir a sacola, mas o lixo continuará contendo o mesmo plástico.
Podemos concluir então que os supermercados não estão preocupados com o planeta e sim em faturar mais vendendo sacolas e economizando a gratuidade das mesmas.
E as ONGs que vivem nas mídias querendo acabar com as sacolas?
Parece que só estão aproveitando a publicidade gratuita, nada mais.
As organizações encabeçadas pela OSCIP ADV, a qual eu estou incumbido de representar, ainda não fechou questão sobre esse assunto. Faltam muitas respostas:
Pergunta 1 - Haverá desemprego?
Sim, porque não podemos pensar em melhorar uma coisa em detrimento de outra, afinal o ser humano é o foco principal, o planeta é a sua casa. Quando queremos um mundo melhor a ideia é beneficiar e perpetuar seu morador. De que adianta uma casa chique com o morador passando fome?
Pergunta 2 – Sacola gratuita polui, porque sacola comprada não polui?
Alguns mercados estão oferecendo as mesmas sacolas em versão paga, dizendo que estas são de material oxi-biodegradável, ou seja, a mesma que já está em uso há vários anos.
Eu penso que a solução é ir substituindo gradativamente as sacolas descartáveis por modelos de uso continuado, mas o que precisa mesmo é educar o povo.
Alguns itens necessários dependem de cultura:
Reduzir o consumo, comprando apenas aquilo indispensável: nada de aproveitar ofertas; deixe de comprar muita comida para aproveitar o preço, pois se estraga rapidamente.
Não fabricar lixo: dar o destino correto para o que não precisar mais; lixo não existe na natureza, nós o fabricamos.
Preparar comida em pequenas porções, ou congelar em porções separadas e quando se servir, colocar no prato apenas a quantidade que será consumida, nunca se deve deixar restos.
Aproveite as sobras de comida com inteligência, o arroz pode se tornar bolinho ou risoto, os talos de verduras fazem sopas. Porções de carne ou frango se tornam strogonoff.
Se houver resto de comida eventual, não jogar no lixo e sim no banheiro e dar a descarga, pois a comida temperada jogada ao lixo polui muito mais a natureza, atrai os roedores e insetos; e ao impregnar, impede o reuso de papel e papelão.  
O óleo de cozinha é uma questão à parte, devem ser armazenados e seguir para locais apropriados.
Ossos também são problemáticos, dá muito trabalho para descarte, uma das possibilidades é secá-los colocando-os em recipientes fechados ao sol até que se torne quebradiço, depois transformá-los em pó e servir de adubo para plantas.
De qualquer maneira sempre haverá um pequeno resíduo que precisa ser descartado e a pessoa deve ter a sabedoria e o prévio conhecimento para poluir o menos possível. Independente de a sacola ter sido comprada ou recebida “gratuitamente”.  

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

A página provisória que virou sensação



Quando um de nossos sites está em manutenção, retiramos a página do ar até que a nova versão seja recolocada. Nesse ínterim fica o logo de manutenção.

Ocorre que no ano passado, um de nossos colaboradores encontrou uma página maluca e inseriu-a provisoriamente.

Após sua retirada, houve tantos pedidos nas redes sociais ou por e-mail, que resolvemos torná-la página normal nos portais. Como ela destoa em seriedade do conteúdo, os voluntários resolveram denominar o título no cardápio como Não entre aqui.

Desde esse episódio, outras páginas divertidas foram inseridas e por votação continuam ou são retiradas.

O misto de páginas divertidas não retirou o teor de seriedade do conteúdo, em nenhum dos sites onde foram colocadas, mas as pesquisas demonstram que a interação ajuda a descontrair; principalmente colaboradores assíduos.

Algumas empresas e portais já estão adotando essa nova estratégia e logo teremos muitas páginas divertidas quebrando a rotina.

Visite algumas dessas páginas clicando nelas:
Atenção: todas apresentam som, cuidado se estiver em ambiente silencioso.  

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Blogueiro de Sucesso


Todo blogueiro quando atinge sucesso escreve um artigo com esse mesmo título. Alguns nos brindam com bons conselhos, porém difíceis de seguir.
A seguir vou comentar do meu ponto de vista os doze pontos que mais aparecem como importantes ou essenciais para uma pessoa se tornar um blogueiro de sucesso. Colocarei no masculino, mas serve para ambos (melhor dizer todos) os sexos.
Também vou atropelar o português e chamar blogue de blog; acho mais simpático.
Observe que todos esses itens foram obtidos na própria internet e eu só os comentarei do meu prisma como blogueiro, ainda que anos-luz longe do sucesso.
Nota: Sucesso como blogueiro não significa necessariamente ganhar muito dinheiro com blog. Lição aprendida com um dos grandes escritores de blog brasileiro que faz grande sucesso e seu blog principal não lhe rende quase nada a não ser boa fama.

Doze passos para o sucesso:

1. CONSCIÊNCIA
A menos que você tenha conseguido sobressair na mídia televisiva ou ao menos tenha tido um vídeo no Youtube com milhões de acessos, Tenha consciência para enfrentar muitas dificuldades, especialmente nos primeiros 6 meses de vida do seu blog, ou muito... Muito mais. Não cometa o erro de achar que seu blog fará sucesso imediato. Só comece esse projeto com pensamento único de fazer a sua parte e que o restante será consequência e coincidências, para os que não acreditam em sorte.

2. OBJETIVIDADE
Ganhar dinheiro com um blog também é um sonho para poucos. Portanto se você acha que vai começar um blog e viver dele, saiba que isso é muito difícil; será melhor tratá-lo como hobby inicialmente até obter ao menos um pequeno reconhecimento no meio, como comentado no item 7. No entanto deve-se ter um alvo de onde se pretende chegar.

3. CONFIANÇA
Imagine que você fez seu blog, escolheu design, templates, as cores, e tudo o mais e agora vai escrever seu primeiro artigo e postar. Depois é só esperar os acontecimentos: à noite assistindo ao Jornal Nacional recebe a notícia, seu blog bateu recordes de audiência e você considerado o blogueiro do ano.
Pode ser que aconteça isso pela primeira vez no mundo e você seja o escolhido, mas tenha confiança e se prepare para o sucesso: ao menos sonhe e aprenda tudo que puder para melhorar cada vez mais em todos os sentidos, e espere acontecer.

4. PERSISTÊNCIA
Quando a adversidade surge, minando sua confiança principalmente pela falta de elogios e retorno, é necessário ter imensa persistência e capacidade de resistência ao infortúnio. A persistência, aliada a uma auto-motivação, criam rapidamente um profissional de grande qualidade, capaz de produzir resultados ainda que em terrenos adversos. Só os mais persistentes conseguem ultrapassar a barreira incrível dos seis meses, e tendo autoconfiança suficiente, o caminho posterior a essa barreira é frutífero e extremamente rentável.

5. PRUDÊNCIA
Todos os itens anteriores te lançam a se atirar de corpo e alma com inteligência nesse campo. Mas aproveite essa qualidade para fazer metas e objetivos coerentes para levar isso adiante.
Milhões de seguidores começam do primeiro seguidor, somado ao segundo, ao terceiro e assim por diante. Audiência também é muito provável que aconteça nessa proporção. Assim, hoje você tem um leitor, amanhã outro até o dia que tiverem muitos. E vai depender do que você produzir pelo caminho.

6. PERSEVERANÇA
Quanto mais perseverante for um blogueiro, mais rápido conseguirá atingir suas metas e objetivos. Portanto faça um planejamento escrito e não desvie seu curso por nada. Se você perder a motivação pode não obter o resultado esperado. Ainda que faça um blog como segunda opção de vida, faça-o seriamente, escreva bons artigos frequentemente. Perseverança é muito importante para que você se mantenha fiel às suas estratégias, independentemente dos resultados do momento. Nunca esmoreça: se você objetivou ter mil pager view hoje e até o momento ninguém abriu sua página, não se suicide. Amanhã será outro dia.

7. RECONHECIMENTO
Família e amigos são ótimos alicerces para começar a escrever um blog, mas não garantem o sucesso. Esses te amam e sempre te apoiarão com carinho, independente da qualidade do seu blog. Conforme as demais pessoas lhe descobrem, lendo o que você escreve e observando o que você posta, acontecem duas coisas simultâneas: você aprende como escrever melhor e seu público passa a segui-lo, lendo o que você oferece de conteúdo.
Dentro dessas possibilidades há boas vertentes, como amigos sugerindo textos, pedindo assuntos, etc.
A crítica também é sempre boa; você apanha, chora um bocado, mas estuda seus erros e corrige, surgindo o merecido reconhecimento.

8. COERÊNCIA
Acredite em seus objetivos com coerência.
Ser coerente é fundamental em qualquer profissão do mundo, especialmente no que diga respeito à internet. Isto significa que é extremamente importante você manter-se fiel aos seus princípios, às suas ideologias e fundamentalmente à sua experiência. Evite falar de coisas que não sabe completamente ou não domina. Use uma maneira prática e simples.
Adotando no blog o seu estilo próprio é mais fácil de ser coerente entre aquilo que faz e aquilo que deseja que os seus leitores façam. Quanto mais personalizar as suas postagens relativamente às coisas que você pratica, maior será o seu sucesso. Não se esqueça que os leitores gostam sempre de se identificar com o autor.

9. CORAGEM
Ter consciência das dificuldades, e todos os outros aspectos até aqui abordados é o ideal e essencial para ser bem sucedido na blogosfera. No entanto, de nada valem os itens anteriores se o blogueiro não tiver a coragem de assumir as responsabilidades e riscos inerentes ao resultado dos seus objetivos. Só com coragem se consegue competir com a concorrência, enfrentar a inveja alheia, gerir as dificuldades e cumprir objetivos. Ainda que nesse campo um blog seja quase um paraíso. Explicando: a grande maioria dos blogueiros está sempre a fim de ajudar, recomendam, sugerem, apontam erros, oferecem apoio, etc.

10. DISTINÇÃO
Num ambiente onde existe atualmente uma infinidade de blogs, é cada vez mais complicado conseguir sobreviver e sobressair. No entanto, todos os dias inúmeras pessoas procuram por informação que seja explicada de uma forma diferenciada. Pode ser precisamente esse o fator diferenciador que irá conseguir fazer projetar justamente o seu blog. Se você pretende apenas imitar ou copiar algo existente, é bem provável que acabe fracassando. Entretanto, revisitando o velho guerreiro Chacrinha, que vivia dizendo a celebre frase “Nada se cria, tudo se copia!”; se você resolver copiar, ao menos maquie à sua maneira. Afinal premir Ctrl+c depois Ctrl+v puro e simples não funciona; é preferível colocar um link ao texto original.

11. NOVIDADE
Nada atrai mais que o novo, moderno, e atual. Portanto fique atento nos acontecimentos. Outros detalhes que nada tem de novos, mas contribuem: pitadas de humor que podem ser singelas palavras que só os mais inteligentes entenderão. Imagens coloridas e alegres, que você pode produzir com o seu próprio telefone celular ou telemóvel como preferem os lusitanos. Enfim, tente sobressair com qualidade, faça o que você procura e não encontra.

11. RESPEITO
Desde o seu idioma, a tudo o mais. Respeito cabe em qualquer lugar e é até uma obrigação da pessoa candidata a se tornar pública. Porque o blogueiro é como qualquer outro ser humano com qualidades públicas, têm direitos e deveres iguais e esse é o quesito fundamental. Lógico que o blogueiro tem opinião particular, mas se essa for contra o direito de outros, melhor não divulgar. A menos que seja uma denúncia com provas irrefutáveis.

12. AMOR
Por fim saiba que você só conseguirá ser um blogueiro de sucesso, assim como tudo em sua vida, se fizer com AMOR, independente de qualquer outra coisa; e de preferência maiúsculo como no item. Pois só assim você terá se colocado de corpo e alma nesse projeto.
Se não conseguir cumprir todos os itens, mas tendo feito esse, tenha certeza, mais dia, menos dia você será um grande sucesso. Nesse dia me escreva, terei prazer em lhe homenagear com um post.

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Selo de Alerta para seu blog ou site


Junte-se aos blogs amigos de verdade e coloque também um selo para alertas. Esse selo servirá para convocações em casos de calamidades e quando não houver urgências desse tipo, apresentará assuntos da semana, se a pessoa clicar sobre o mesmo.

No exemplo da figura que acompanha esse post, está representado o alerta vermelho, que somente é utilizado quando há catástrofes em curso. Infelizmente esse também é o atual que está sendo emitido por conta das enchentes no Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais.

O alerta serve principalmente como informativo, para convocar voluntários e doadores, contendo informações acessórias sobre cada ação.

Também serve para coisas mais suaves como, por exemplo, um convite para Flash Mobs, ações ambientais, etc. ou até distribuição gratuita de alguma coisa ou ações do interesse social.

Leia também:
O que é um alerta?
Como surge um alerta?

Para colocar este alerta em seu site ou blog, copie e cole o código abaixo:

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Agradecimento pela audiência selecionada


video

A audiência mundial alcançada por esse blog não é mera coincidência, muito menos pela beleza dos olhos do autor. Justificadamente corre mundo pelos amigos de verdade.

Sejam brasileiros moradores no exterior, estudantes, funcionários de embaixadas brasileiras, marinheiros, aeronautas e uma gama infinita de pessoas.

Incluindo milhares de estrangeiros que entendem o nosso idioma.

Não há nesse local algo tão extraordinário que justifique essa presença, portanto pode-se garantir que a permanência constante é pura amizade verdadeira, com talvez uma pitada nostálgica; saudade de casa.

No entanto a esmagadora maioria desses amigos está mesma em solo tupiniquim. Muitos participam ativamente das atividades da Comunidade Amigos de Verdade, como voluntários.

Inclusive sem os quais não se poderiam prestar serviços às comunidades locais com a qualidade alcançada.

O alcance de nossos alertas e resposta aos nossos Flash Mobs  está entre as melhores, também em termos porcentuais. Incluindo Flash Mobs realizados em outros países, que nesse ano de 2012 deixarão de ser apenas teste, para figurar entre nossa programação normal.

Nas próximas publicações serão abordados esses temas e divulgados alguns números da nossa organização, no ano passado.

Parabéns Amigo de Verdade

No vídeo há um exemplo de Flash Mob realizado pelos ADV em  Singapura, grande sucesso apesar de a imprensa local divulgar como jogada de marketing estrangeira.    

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Metas de Ano Novo


A cada começo de ano temos muitas metas que foram pensadas no final do ano anterior e estamos plenamente convictos que realizaremos cada item. Planejamos até as mudanças para possíveis planos B.
Conforme os dias vão passando, relaxamos e tudo volta a ser como antes, cometem-se os mesmos erros e vícios que nos prometemos corrigir.

Não podemos mudar o passado, mas temos como iniciar um melhor futuro e o momento para isso é o atual.
Dobre as mangas e se empenhe, foque suas forças em poucos itens, numa média de três; não tem como fazer mudanças radicais completas. Dê um passo de cada vez.

Falhou hoje não esmoreça e faça um novo amanhã; desistir jamais!

Caso se tenha dez metas importantes para o ano, começando uma nova meta a cada mês com afinco, todas estarão em vigor ao final do ano; e não interessa se todas já foram resolvidas plenamente, o importante é que as estamos vivenciando e controlando.

Digamos que seus principais objetivos sejam:
1 Parar de fumar
2 Perder 10 kg de peso corporal
3 Juntar R$5.000,00 para comprar algo

Se ao fim do segundo mês você já diminuiu a quantidade de cigarros, perdeu 2 kg e já conseguiu separar R$200,00; mostrou que está desempenhando bem essas tarefas e já pode incluir o inicio de mais metas sem atrapalhar o desenvolvimento dessas realizações.

Dê atenção ao fato de que nada é fácil, mas tudo é possível e não esmoreça nunca.

Outro detalhe que pode nos ajudar é separar um caderno ou agenda para registrar relatórios sobre as metas.
Seguindo essas simples fórmulas, nos três anos que se passaram, obtive êxito maior do que setenta por cento de realizações.